Menina leva iogurte como lanche para a escola, mas, ao abri-lo, encontra ISSO dentro

Quando compramos um produto no supermercado, dentro do prazo de validade, esperamos que ele esteja bom para o consumo. Ainda mais se seguimos a risca as orientações de conservação do alimento. Foi exatamente isso o que Maryana Santos Pereira fez.

Ela contou que sempre compra o iogurte da marca Nestlé para a filha pequena, de três anos, levar para a escola como lanche, porque ela gosta muito. Além disso, explicou que costuma adquirir o produto no supermercado conhecido da família. E dessa vez não foi diferente. Enviou o iogurte, mas na hora do lanche, a professora da menina notou que tinha algo estranho dentro dele e não permitiu que ela comesse.

Veja:

O iogurte estava dentro do prazo de validade, foi mantido em ambiente refrigerado e não apresentava nenhum furo na embalagem. Ela resolveu compartilhar o acontecido em suas redes sociais.

“O ‘corpo estranho’ encontrado dentro da embalagem aparenta ser um papelão, mas também não toquei em nada. Guardei e vou entrar com uma ação judicial contra a Nestlé”, contou Maryana. Ela fotografou o que estava na embalagem e os principais dados do produto. Agora, ela pretende contatar os órgãos de defesa do consumidor e vigilância sanitária.

Orientação do Procon:
O órgão orienta que em casos como esse, o primeiro passo é não consumir mais o produto. Quando se tratar de alimentos industrializados, o consumidor precisa entregar a amostra do produto, com todos os dados da embalagem; também é essencial informar a empresa, porque todo o lote pode estar comprometido.

Fique atento antes de consumir os produtos, mantenha-os armazenados seguindo suas instruções e notifique se algo estiver fora do comum.

Fonte:GazetaWeb