5 doenças causadas por dormir com os cabelos molhados que você precisa conhecer

Dormir com o cabelo molhado pode carregar mais riscos do que você imagina. Confira!

Especialmente para alguém que teve um longo e cansativo dia no trabalho, é grande a tentação de tomar um bom banho, vestir-se e ir dormir com os cabelos molhados. Afinal, eles vãos secar naturalmente, mais cedo ou mais tarde.

Infelizmente, as consequências de pular a etapa de secar o cabelo antes de dormir, por mais tediosa e demorada que ela possa ser, podem ser relativamente graves, especialmente, mas não somente, se o quarto estiver frio. Entre os problemas que podem ser causados por dormir com os cabelos úmidos, que são razões suficientemente fortes para secar o cabelo antes de cair nos braços de Morfeu, podem ser mencionados os cinco listados e explicados logo a seguir:

1 – Caspa

Ir para a cama com os cabelos molhados aumenta a possibilidade de desenvolver caspa, que é caracterizada pelo aparecimento de escamas brancas entre os fios do cabelo.

Essas escamas são formadas por células mortas do couro cabeludo. Além de feia e considerada nojenta por muitos, a caspa pode causar queda de cabelo e ser acompanhada da proliferação de bactérias nocivas.

2 – Proliferação de fungos

O sistema criado pelo contato do travesseiro com o cabelo molhado é propício à proliferação de alguns fungos nocivos e malcheirosos. Um tipo de infecção fúngica, por exemplo, é a tinha de cabeça. Provocada por fungos dos gêneros Microsporum e Trichophyton, ela pode causar calvície. Pior: ela é contagiosa, podendo afetar, por exemplo, quem dorme com o portador do mal, que vai criando falhas na cabelereira das vítimas. Surtos em escolas primárias também são relativamente comuns.

3 – Coceira

Não são só os famigerados piolhos que são responsáveis por coceira na cabeça, embora eles certamente também possam causar esses incômodos.

Uma das maiores causas de coceira na cabeça é justamente a umidade no cabelo. Ir dormir com o cabelo molhado pode causar comichões que podem acordar a pessoa durante a noite e interromper o ciclo de sono do indivíduo, causando até insônia.

4 – Enfraquecimento dos fios de cabelo, o que pode levá-los a cair

Mesmo que a pessoa não desenvolva nenhuma doença do couro cabeludo, ir dormir com o cabelo molhado pode enfraquecer os fios, deixando-os, a médio prazo, bem mais propensos a cair.

5 – Maior propensão a resfriados

Dormir com os cabelos molhados aumenta a chance de ter um resfriado porque a pessoa perde calor para o ambiente com mais facilidade e o corpo precisa se esforçar para manter sua temperatura estável, o que enfraquece o sistema imunológico.

Deixe uma resposta